A água é um bem essencial para o Homem sendo por isso de elevada importância a sua monitorização para que seja possível assegurar que estão não prejudica a saúde do consumidor, não constituir uma fonte de contaminação nos processos produtivos e ainda, que não influencia negativamente o meio ambiente.

   

Deste modo, torna-se necessário controlar determinados parâmetros da água de acordo com a sua finalidade e legislação em vigor aplicável.

O Laboratório CPC possui uma alargada oferta de pacotes analíticos de águas nomeadamente a análise sumária, controlos de rotina 1 e 2, análise microbiológica, águas residuais e de piscinas, entre outros.

O nosso laboratório evolui consoante os inputs da ciência e adapta-se segundo as necessidades da sociedade. Em 2014 verificou-se em Portugal uma severa incidência de infeções por Legionella, que alertou a população para a importância das estratégias preventivas. Procura mecanismos de prevenção de Legionella? Somos o parceiro indicado!

 

  • Análises microbiológicas

A presença de microrganismos na água só é percetível, na maioria dos casos, quando surte efeitos no consumidor. Uma forma de minimizar esta proliferação é estabelecer um plano de controlo analítico adequado ao processo/atividade e manter boas práticas de higiene e manutenção.

 

  • Prevenção de Legionella

As bactérias do género Legionella encontram-se em ambiente aquáticos naturais e em sistemas artificiais.

 

Das 47 espécies conhecidas, a Legionella pneumophila foi identificada com a espécie mais patogénica de Legionella. A infeção transmite-se por inalação de gotículas de vapor de água contaminada, aerossóis, de dimensões tão pequenas que veiculam a bactéria para os pulmões, possibilitando a sua deposição nos alvéolos pulmonares. A exposição a esta bactéria pode ser fatal, pelo que a prevenção da sua proliferação é muito importante.

Segundo estudos sobre a bactéria por várias entidades, o plano de ação para minimizar a indecência deste microrganismo passa essencialmente pela prevenção através do controlo físico-químico e microbiológico da água e pela manutenção das superfícies de água e ar limpas.

 

Os sistemas e equipamentos assinalados como os mais propícios ao desenvolvimento da Legionella são:

  • Sistemas de arrefecimento

Torres arrefecimento;

Condensadores evaporativos;

Humidificadores;

Sistemas de ar condicionado.

  • Redes prediais de água quente e de água fria

  • Sistema de água climatizada de uso recreativo ou terapêutico

Piscinas climatizadas e jacuzzis;

Instalações termais;

Equipamentos usados na terapia respiratória (nebulizadores e humidificadores de sistema de ventilação assistida).

  • Instalações com menor probabilidade de proliferação e dispersão de Legionella

Sistemas de abastecimento/distribuição de água;

Sistemas de águas contra incêndios;

Sistemas de rega por aspersão;

Lavagem de automóveis;

Sistemas de lavagem de gases;

Fontes ornamentais.


Para mais informações consulte o nosso folheto.

 

  • Análise Sumária, Controlos R1 e R2

Apesar de não apresentar qualquer indicador de contaminação percetível, a água consumida poderá ter parâmetros superiores aos permitidos pela legislação em vigor, não sendo adequada para o consumo Humano.

Muitas vezes a proximidade entre os locais de captação/consumo e explorações agrícolas ou fossas séticas aumenta a probabilidade de contaminação da água dos poços/furos, sendo importante o controlo periódico da água.

O consumo de água proveniente da rede pública confere ao consumidor uma maior segurança, contudo e já nas canalizações particulares a água poderá ser contaminada devido ao desgaste ao longo do tempo das infraestruturas ou até pelo material que as constituem, sendo por isso aconselhável a análise periódica no local onde é retirada para consumo. De salientar que a água pode constituir uma fonte de contaminação no processamento dos géneros alimentícios.


Deseja avaliar a potabilidade da água de consumo ou processo de produção? Contacte-nos!

Além dos controlos de rotina indicados a legislação em vigor preconiza também o controlo de inspeção que tem como finalidade obter a informação necessária que permita aferir o cumprimento dos valores paramétricos estabelecidos pelo Decreto-Lei n.º 306/2007, de 27 de agosto. Consulte-nos para mais informações.

 

  • Outros pacotes de análises
 

Pretende analisar a água da piscina do seu estabelecimento ou domicilio?

Sabia que analisamos também águas residuais e água ultrapura? Contacte-nos!